um mergulho

[qui] 25 de novembro de 2010

de ontem. lembrei disto hoje, pela tarde. e é mais ou menos assim: “o discípulo e o mestre caminhavam juntos. defronte ao rio, o discípulo pergunta ao mestre zen: qual a profundidade deste rio, mestre? e este… zap, tchibumm. empurra o discípulo”.

e de hoje. para refletir. ‘o outro não é um perigo’.

«acho que você não percebeu que o meu sorriso era sincero, sou tão cínico às vezes o tempo todo estou tentando me defender…» Esperando por mim, Legiao Urbana.

notas:

40 Koans

YU (METÁFORA)

_5ee7b430fbbc398e87e533b684850eb3c510fa96

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: