talkin’ cure

2010, novembro 29, segunda-feira

«o inconsciente estruturado como uma linguagem…»

«tirar da pessoa a irresponsabilidade do que ela está dizendo. não há nada além da palavra… ‘o desabonamento do inconsciente’.»a pessoa é o seu sintoma. pessoa se dar conta de sua existência como sintoma indecifrável. ou seja, eu não sei o que é, mas terei que lidar com isto. devo inventar algo sobre isto, e me responsabilizar sobre o que inventei. mais ou menos lacan, na segunda clínica.

da aula de hoje.
***
abri minha casa. como é estranho isto. permitir um olhar outro que não este. mas que olhar, e olhar-outro, é (são) este(s)?

maxresdefault.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: