das coisas importantes anotadas por aí…

[sex] 2 de março de 2012

DA SÉRIE… REVISÃO DOS CADERNOS DE SOCIOLOGIA.

Geneologia da CRÍTICA -> hipótese -> Construção da CRÍTICA em MARX -> em Kant antes de Hegel.

«Será que o conceito de CRÍTICA em Marx é uma desmaterialidade da ciência?»

KANT 22/04/1724 – 12/02/1804
KONIGSBER – PRÚSSIA

Crítica da Razão Pura (1781)
Crítica da Razão Prática (1788)

Das formas de conhecimento -> A Posteriori (Empírico) – A Priori (Puro)
Distinções

{ Juízo Analítico

{ Juízo Sintético a posteriori

{ Juízo  Síntético a priori

Síntese => Princípios a priori > duas fontes > Sensibilidade e Entendimento

Dialética transcendental – o COMO e não o OBJETO

***

Século XVIII -> matemática -> Razão -> Esclarecedor (Paradigma Iluminista)

Século XX -> matemática -> Razão -> Instrumentalizador

———————————————————

Entendi também o amarelinho como a flor. A flor é a estrutura reprodutora característica das plantas denominadas espermatófitas ou fanerogâmicas. A função de uma flor é a de produzir sementes através da reprodução sexuada. Para as plantas, as sementes representam a próxima geração e servem como o principal meio através do qual as espécies se perpetuam e se propagam. fonte: wikipédia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: