e a clareza repentina de estar na solidão…

2013, abril 17, quarta-feira

r-7080583-1433251623-1329.jpeg“Cada passo
Cada mágoa
Cada lágrima somada
Cada ponto do tricô
Seu silêncio de aranha
Vomitando paciência
Prá tecer o seu destino

Cada beijo irresponsável
Cada marca do ciúme
Cada noite de perdão
O futuro na esquina
E a clareza repentina
De estar na solidão

Os vizinhos e parentes
A sociedade atenta
A moral com suas lentes
Com desesperada calma
Sua dor calada e muda
Cada ânsia foi juntando

Preparando a armadilha
Teias, linhas e agulhas
Tudo contra a solidão
Prá poder trazer um filho
Cuja mãe são seus pavores
E o pai sua coragem

Dorme dorme
Meu pecado
Minha culpa
Minha salvação”

Letra da canção “Mãe (Mãe Solteira)” de Élton Medeiros e Tom Zé. Gravada no álbum Estudando o Samba [1976] de Tom Zé.

____

E das coisas aqui do cotidiano… A cabeça anda pesada demais, é pra mais de cinco quilos. E se o esqueleto não encontrar o equilíbrio ela vai levando o corpo todo pr’o chão.

É fácil se perder nessa pressão toda de horários, notas, prazos, projetos, planos, orientações, acompanhamentos… Ser engolido pela alienação de todo santo dia!

E as coisas divertidas e prazerosas? Aquelas que dão sentido?

Mas é assim… Se deparando com algo que não é como imaginará que você precisa de adaptar, se refazer… [Aqui, não no sentido de se conformar ao sistema – coisa difícil pra dedéu, mas sim de se reinventar como consciência e postura crítica] e isto é lento e doloroso, ou melhor… é angustiante e exaustivo. Mas assim se cresce, assim se nasce… Afinal é morrendo trigo que nasce pão. Mas eu bem que queria trabalhar um tiquinho menos, para poder lidar melhor com toda essa pressão, mas então falta grana e dai o buraco é do outro lado… sobra tempo para o ócio, para poesia, mas falta para o pão, para o concreto da casa.

Mas porra, chega de reclamar, vou curtir tom zé e pensar nas aulas que preciso desenvolver.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: