let it be

[seg] 27 de janeiro de 2014

exceção [este texto é uma…]. talvez porque o povo voltou de suas viagens e todos estão cheios de novidades: são as dores e os humores d’outros de outros lugares e o povo que vai morrendo e parece que o mundo ali fora segue seu curso e eu cá – aparentemente  ilhado neste tempo parado, neste descanso passageiro – apenas observo a paisagem… dou um tempo. eu-recolhido-caracol…

relato – coisas importantes deste janeiro… plantei dois pés de garapuvu – não recordo o dia… a memória anda fraca. estou a ler coisas anarquistas, soviéticas e poéticas. mia couto também está a ser lido…

a última semana foi feita de estar mais só, nas minhas obras e escavações, leituras e solidão pacífica. na semana anterior foi um correr atrás de exames e documentos… ver gentes e esperar… esse meu janeiro passou assim, cheio de preparativos para o devir, desta semana agora. 29 é dia de exame médico na perícia médica do estado. é dia chave. ansioso estou.

mas isto não foi o estarte para este texto curto. é que de tempos em tempos eu faço umas releituras do passado disto cá… (janeiro de 2013, 2012, 2011, 2010… ) porque o tempo voa… porque os pés de ipês estão maiores do que eu já… porque os garapuvus estão crescendo… porque a família está morrendo… porque as crianças já estão grandes… e a minha barba deste tamanho. porque eu estou dando um tempo. e preciso anotar cá esta sensação, neste futuro diálogo – comigo mesmo lá na frente, noutro tempo, noutro lugar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Historias de Amor e Morte

A única realidade é a Fantasia

O Quadro e o Risco

Blog sobre quadrinhos

Consultório Poético

Mariana Portela Weblog

marcelo labes

poeta & trapaceiro

verbiclara.wordpress.com/

LENGUA ESPAÑOLA, POESÍA Y MI GLORIOSA SANTA CLARA

COISAS SIMPLES

rita maltez

O Banheiro da Sereia

Quero expressar ao ejetar, escrever ao excretar

Alma Fuleira

Nas vivências in loco acreditamos que as capacidades criativas são mais aguçadas e gustativas.

Terminologia Atemporal

catártico, verborrágico, esquizofrênico

Filosofia Crítica

"Levar a filosofia às pessoas, levar as pessoas a filosofar." tiomas@yahoo.com

SOCIAIS & MÉTODOS

Ciências Sociais, métodos quantitativos, técnicas de pesquisa, R...

roger santana

poesia fora de moda

:: Dr. Pedro Gabriel :: Psicanalista

"A Psicanálise é, em essência, uma cura pelo amor." (Sigmund Freud)

Ensaios e Notas

artes, humanidades e ciências sociais

andradetalis

Jornalismo se faz com coragem e sonho

.:Hellfire Club:.

Um pandemônio.

bálsamo benigno

"a flor flore, o colibri colibrisa, a Poesia Poesia"

Blog da Boitempo

Aqui você pode encontrar informações dos livros e eventos realizados pela editora Boitempo. E, principalmente, pode interagir e ajudar na construção da editora que ousou ter uma cara e conquistou seu espaço produzindo livros de qualidade

Horizontes Afins

Este é o blog de Filosofia e Cinema e Afins de Cassiano Terra Rodrigues

Bateope's Blog

Just another WordPress.com site

chilliandmint.wordpress.com/

Herbs and Spices Rock My World

GFP Blog

Pass it on

escamandro

poesia tradução crítica

Jardim do Mundo

Sustentabilidade - Viagem - Estilo de Vida

Feisty Little Woman

Geek Girl with Attitude

Livro de Viagens

Crónicas de Marco Neves

IMAGEM CORPO

passagens entre linguagens

Feicibânquer

Prosagens de Wir Caetano no Facebook. Monlevabuçu (MG).

arquitetando

falando de história da arquitetura, do urbanismo e da arte

Gaveta do Ivo

Poesia & Tradução

O Ponto Dentro do Círculo

Se as portas da percepção estivessem limpas, tudo apareceria para o homem tal como é: infinito. William Blake

vinteculturaesociedade

Uma perspectiva negra

Saracura

Design • Natureza • Arte

Filosofia Marxista

Os filósofos limitam-se a pensar o mundo, mas o que importa é transformá-lo.

Estereótipos

Os estereótipos e a psicologia social

Karina Kuschnir

desenhos, textos, coisas

Portal do Budismo

Budismo, Coisas Positivas da Vida e do Mundo

%d blogueiros gostam disto: