dez centímetros acima do chão

[qua] 18 de julho de 2018

o difícil é controlar a ansiedade [e ando em círculos, afundando o chão… onde o horizonte é a própria cauda]. e essa vontade de ir embora [e de estar seguro? como se isso fosse possível… mas no fundo é isso, o desejo de não estar aqui e agora]. o perigo maior é quando você duvida de tudo. e ai não há lugar seguro. pois você é seu maior perigo.

[e os outros são estranhos, eles me dizem, eles percebem minha ausência. neste instante,  quero ainda mais passar de forma invisível…

*

comecei a leitura de dez centímetros acima do chão, porque é pequeno, e há a ilusão que começarei e acaberei.

tem me sufocado a ideia de começar as coisas da vida e deixar as pontas soltas…

sinto-me quebrado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: